MENU

Explosões são ouvidas na Coreia do Sul

Explosões são ouvidas na Coreia do Sul

Atualizado: Sexta-feira, 26 Novembro de 2010 as 10:54

Explosões foram ouvidas na ilha de Yeonpyeong, na Coreia do Sul, na tarde (horário local) desta sexta-feira, 26, enquanto fumaça foi vista no litoral da Coreia do Norte, segundo reportagem do Wall Street Journal . Os acontecimentos ocorrem três dias depois de os dois países vizinhos trocarem disparos de mísseis na região onde fica a ilha, deixando quatro mortos.   Não ficou claro se os sons - que foram ouvidos em duas séries cerca de 30 minutos distantes uma da outra - foram resultado de tiros de artilharia. Depois da segunda série de sons, uma cortina de fumaça pôde ser vista em território norte-coreano.

Não houve sinais de projéteis sendo lançados. O Ministério de Defesa da Coreia do Sul afirmou que está investigando a natureza das explosões. Um porta-voz do ministério disse que cerca de 20 disparos foram feitos no que acredita-se ter sido um exercício militar norte-coreano.

O som deixou alarmados os poucos residentes que permanecem em Yeonpyeong, alguns dos quais se dirigiram para refúgios ao ouvir as explosões, indicou a agência sul-coreana.

Um porta-voz militar insistiu que não foram feitos disparos em direção às águas da fronteira entre as duas Coreias no Mar Amarelo, onde no domingo Coreia do Sul e EUA iniciarão manobras militares conjuntas que deverão durar quatro dias.

Esses exercícios foram rechaçados pelo regime comunista de Pyongyang, que nesta sexta-feira lançou novas ameaças voltadas à Coreia do Sul, ao assegurar que responderá "sem piedade" a qualquer provocação ou violação de sua soberania.   A Coreia do Norte não reconhece a fronteira no Mar Amarelo, traçada pelo comando da ONU ao final da Guerra da Coreia (1950-1953). O ataque norte-coreano de terça-feira contra Yeonpyeong, uma ilha onde vivem cerca de 1.700 civis, além de um contingente militar permanente, foi um dos mais graves nas últimas seis décadas e deixou quatro mortos.    

veja também