MENU

Foragido desde 1972, condenado por assassinato é finalmente preso nos EUA

Foragido desde 1972, condenado por assassinato é finalmente preso nos EUA

Atualizado: Sexta-feira, 26 Março de 2010 as 12

Imagens divulgadas pelas autoridades penitenciárias do estado americano de Montana mostra Frank Dryman em 21 de fevereiro de 1955 (à esq.) e depois em 23 de março de 2010. Dryman havia sido condenado por matar a tiros Clarence Pellett um motorista que deu carona a ele durante uma nevasca em 1951. Ele foi primeiro condenado à forca, mas teve sua sentença revisada para prisão perpétua, e estava em liberdade condicional desde 1969. Mas ele escapou em 1972 e estava desaparecido desde então. Mas um neto da vítima contratou um detetive particular, que descobriu o condenado cuidando de uma capela matrimonial no Arizona. Com 78 anos, ele foi finalmente preso na terça-feira e está esperando para ser devolvido às autoridades de Montana. 

veja também