MENU

Gato teria provocado fogo que matou grávida e duas crianças em Angola

Gato teria provocado fogo que matou grávida e duas crianças em Angola

Atualizado: Sexta-feira, 21 Janeiro de 2011 as 3:49

Um incêndio que teria sido provocado por um gato em uma casa de Luanda causou a morte de uma mulher grávida e de dois de seus filhos mais novos. O marido dela conseguiu escapar das chamas, informou nesta sexta-feira (21) a "Rádio Nacional de Angola" (RNA).

Segundo a emissora, que cita uma testemunha, o gato brincava com alguns objetos dentro da casa e derramou o óleo de uma lâmpada sobre um gerador elétrico que funcionava a gasolina, causando um incêndio que rapidamente se espalhou por toda a casa.

O pai da família conseguiu sair do quarto, que estava em meio às chamas, mas sua mulher e as duas crianças não tiveram tempo de escapar do fogo.

A maioria dos quase 6 milhões de habitantes de Luanda, a capital de Angola, vivem sem energia elétrica e contam com velas, lâmpadas a óleo e geradores, sistemas que são a causa de muitos dos incêndios que acontecem na cidade, para a iluminação.    

veja também