MENU

General israelense admite erro na morte de três palestinos em Gaza

General israelense admite erro na morte de três palestinos em Gaza

Atualizado: Terça-feira, 14 Setembro de 2010 as 1:59

Soldados israelenses cometeram um erro no domingo ao matar três palestinos, entre eles um idoso e um adolescente, na Faixa de Gaza, admitiu nesta terça-feira (14) um general israelense.

Um caseiro de um sítio de 91 anos e seu neto, de 17, além de um homem de 20 anos, morreram em consequência dos disparos de tanques israelenses ao leste de Beit Hanun, perto da fronteira com Israel, no norte do território.

"Os civis que morreram nos disparos de nossos soldados não estavam aparentemente envolvidos numa operação terrorista", disse o general Eyal Eisenberg, comandante de divisão para a região militar do sul de Israel. "Nossos soldados viram um civil que carregava um lança-foguetes RPG e, ao acreditar que ia ser disparado contra eles, abriram fogo", acrescentou.

Em um comunicado, a facção militar dos Comitês de Resistência Popular (CRP), um grupo armado de Gaza, reivindicou no domingo dois ataques com foguetes contra o sul de Israel, um deles no momento dos disparos do tanque de Beit Hanun.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também