MENU

Governo interino propõe que Micheletti e Zelaya desistam de presidir Honduras

Governo interino propõe que Micheletti e Zelaya desistam de presidir Honduras

Atualizado: Sexta-feira, 23 Outubro de 2009 as 12

Os negociadores do governo interino de Honduras propuseram nesta sexta-feira (23) que tanto o presidente atual, Roberto Micheletti, como o deposto, Manuel Zelaya, renunciem à presidência do país em crise. A negociadora Vilma Morales disse que, se Zelaya desistir de tentar voltar ao cargo, Micheletti também deixará o governo.

A restituição dos poderes de Zelaya é o principal ponto do ''Acordo de San Jose'', proposto pelo presidente da Costa Rica, Oscar Arias, mediador da crise política em Honduras, que se arrasta desde a queda de Zelaya, em 28 de junho.

Zelaya segue refugiado na Embaixada do Brasil na capital, Tegucigalpa. Ele voltou ao país secretamente e conseguiu entrar no prédio brasileiro no dia 21 de setembro.

veja também