MENU

Hacker que invadiu e-mail de Sarah Palin é condenado nos EUA

Hacker que invadiu e-mail de Sarah Palin é condenado nos EUA

Atualizado: Sábado, 1 Maio de 2010 as 2:27

 (Foto: Lisa Norman-Hudson/AP)   O estudante universitário norte-americano David Kernell, 22 anos, foi condenado nesta sexta-feira pela Justiça do Estado do Tennessee por ter violado e adulterado o conteúdo da conta de e-mail da ex-governadora do Alasca e ex-candidata à vice-presidente dos EUA, Sarah Palin. A sentença ainda não tem data para ser declarada pelo juiz Thomas Phillips, portanto Kernell ainda não sabe o quanto será a duração de sua pena.

Kernell é filho de um representante do partido democrata no Tennessee, e pode pegar até 21 anos de prisão - um por acesso não autorizado en endereço eletrônico e vinte por obstrução da Justiça, sem contar fianças que chegam a até US$ 350 mil. Ele foi inocentado da acusação de fraude.

O estudante universitário David Kernell sai do júri acompanhado de seu advogado e sua mãe, uma tenente-coronel do Exército americano. (Foto: Lisa Norman-Hudson/AP)

Em sua conta no Facebook, a política republicana agradeceu ao júri pelo "sábio veredicto". "(O escãndalo de) Watergate nos ensinou que toda invasão ilegal à privacidade de um candidato deve ser rejeitada", escreveu Palin.

Em 2008, durante a campanha presidencial em que Palin disputava como vice do republicano John McCain, Kernell obteve o endereço da conta no Yahoo da candidata. Por dedução simples, adivinhou a palavra-chave que dava acesso á sua senha e caixa de e-mails. Ele tornou público colocou o conteúdo de alguns de seus e-mails, colocano-se online, incluindo informações pessoais e profissionais. Também tornou público o número de celular da filha de Sarah, Bristol Palin.

Os advogados de Kernell afirmaram que o objetivo de Kernell era "pregar uma peça", enquanto a promotoria afirmava que ele pretendia prejudicar a candidatura republicana. Apesar da condenação, a defesa se disse "satisfeita" com a decisão do júri.

fonte: globo.com.br

veja também