MENU

Homem que agrediu Murdoch vai ser processado, diz polícia britânica

Homem que agrediu Murdoch vai ser processado, diz polícia britânica

Atualizado: Quarta-feira, 20 Julho de 2011 as 10:42

O homem que agrediu Rupert Murdoch na terça-feira durante a audiência do magnata da mídia no Parlamento britânico será julgado por perturbação da ordem pública, informou a polícia londrina nesta quarta-feira (20).

Jonathan May-Bowles, ou "Jonnie Marbles", de 26 anos, foi preso imediatamente após o ataque, mas depois conseguiu liberdade condicional. Na sexta-feira ele comparecerá a um Tribunal em Londres por seu reprovado comportamento, que causou "medo e angústia" em um local público.

O jovem lançou um prato cheio de espuma para barbear contra o rosto de Murdoch, mas foi barrado pela esposa do magnata, Wendi Deng, que estava sentada atrás do marido. As imagens em câmera lenta divugadas pela TV mostram a mulher se precipitando a ajudar o octogenário enquanto James Murdoch, filho do empresário, também tenta intervir. A audiência foi retomada minutos depois. Murdoch voltou a ocupar o seu lugar depois de tirar o paletó. Ele não precisou de atendimento médico.

Os dez deputados da Comissão de Cultura, Comunicação e Desporto iniciaram o interrogatório de Rupert e James Murdoch às 13h30m GMT a respeito do caso das escutas telefônicas ilegais praticadas por um tabloide britânico do grupo.          

veja também