MENU

Hugo Chávez faz esporte em público para desmentir rumores na Venezuela

Hugo Chávez faz esporte em público para desmentir rumores na Venezuela

Atualizado: Quinta-feira, 29 Setembro de 2011 as 4:29

O presidente da Venezuela , Hugo Chávez, fez esporte diante de jornalistas nesta quinta-feira (29), para desmentir os boatos de que teria sido internado em estado grave em um hospital de Caracas.

Ele disse que o câncer de que sofria foi extirpado na operação que fez em Cuba, em 20 de junho passado.

O presidente venezuelano afirmou que as informações do jornal "El Nuevo Herald", publicado em Miami, na Flórida, sobre sua internação no Hospital Militar fazem parte de uma campanha "mórbida, grosseira e desumana".

Uniformizado, Hugo Chávez joga softball diante de jornalistas nesta

quinta-feira (29) no Palácio de Miraflores, em Caracas (Foto: AP)

  O ministro das Comunicações da Venezuela, Andrés Izarra, já havia negado a versão e disse queera preciso internar, "mas em um manicômio", os jornalistas do "El Nuevo Herald".

"Os que devem ser internados são os jornalistas do 'Nuevo Herald', mas em um manicômio. #ChavezLosTieneLocos", escreveu Izarra em sua conta no Twitter.

Na quarta-feira à noite, o "Nuevo Herald" publicou, com base em fontes ligadas ao caso e que não foram reveladas, que Chávez teria sido internado na terça-feira no Hospital Militar de Caracas "em um estado geral comprometido".

"Seu estado geral está comprometido. Chegou em situação bastante grave e foi trazido de emergência", revelaram as fontes ao jornal de Miami.

Chávez voltou na quinta-feira passada à Venezuela, após se submeter em Cuba a mais um ciclo de quimioterapia contra um câncer.

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, posa com modelo de carro no Palácio

de Miraflores, em Caracas, em 5 de setembro (Foto: Reuters)

  No domingo, o presidente garantiu que está "saudável" e que a quimioterapia não lhe causa efeitos colaterais, em um telefonema transmitido pela TV estatal venezuelana.

A intervenção por telefone no domingo aconteceu após uma ausência pública de vários dias que levantou dúvidas sobre a saúde de Chávez.

Os boatos sobre o agravamento do estado de saúde de Chávez ganharam força após a decisão do presidente de cancelar seu encontro com o líder iraniano, Mahmmud Ahmadinejad, previsto para o sábado passado.

Chávez, que não permite que outros divulguem informações sobre seu estado de saúde, planeja concorrer à reeleição em 7 de outubro de 2012, para um terceiro mandato de seis anos.

O líder venezuelano, de 57 anos, foi operado de um tumor maligno no dia 20 de junho passado, em Cuba, onde recebeu nos meses de julho e agosto os dois primeiros ciclos de quimioterapia.          

veja também