MENU

Irã entrega à ONU proposta sobre enriquecimento de urânio, diz TV estatal

Irã entrega à ONU proposta sobre enriquecimento de urânio, diz TV estatal

Atualizado: Quinta-feira, 29 Outubro de 2009 as 12

O Irã deu nesta quinta-feira, 29 de outubro, sua resposta à ONU sobre o projeto de acordo para o tratamento de seu combustível nuclear, anunciou a TV estatal de língua árabe al-Alam.

O conteúdo da resposta não foi divulgado. A Agência Internacional de Energia Atômica ainda não confirmou o recebimento.

Mais cedo, o presidente iraniano, Mahmud Ahmadinejad, declarou que Teerã não irá recuar sobre seus direitos nucleares, mas está disposta a cooperar em assuntos relativos a combustível, tecnologia e centrais nucleares. O presidente falou em um discurso em Machhad, noroeste do país, exibido pela televisão estatal.

Ele disse que a provisão de combustível nuclear para o reator de pesquisa de Teerã era uma oportunidade para seu país avaliar a "honestidade" das potências mundiais e da agência a ONU.

O projeto de acordo já havia sido aprovado por Rússia, Estados Unidos e França.

De acordo com o jornal 'Javan', o Irã iria propor à AIEA duas possibilidades para o fornecimento de urânio enriquecido em suas emendas ao projeto de acordo sobre o enriquecimento de combustível nuclear no exterior.

O projeto prevê que o Irã entregue 1.200 quilos de urânio enriquecido a menos de 5% para ser processado e enriquecido a 19,75% na Rússia, antes da França fabricar "material nuclear" para o reator de Teerã.

Segundo o presidente iraniano, as potências ocidentais passaram de uma política de confronto à cooperação na questão do programa nuclear iraniano.

"Antes pediam o fim, hoje aceitam a troca de combustível, a participação para a construção de reatores e centrais nucleares. Passaram da política de confronto à cooperação", declarou Ahmadinejad.

veja também