MENU

Justiça do Chile suspende obra de hidrelétrica na Patagônia

Justiça do Chile suspende obra de hidrelétrica na Patagônia

Atualizado: Segunda-feira, 20 Junho de 2011 as 4:01

Um tribunal chileno ordenou a suspensão do projeto de Hidroaysen, que prevê a construção de cinco represas na Patagônia chilena, acolhendo três recursos apresentados por parlamentares e associações ambientalistas, segundo comunicado do Poder Judiciário.

"O tribunal de alçada acolheu uma ordem apresentada contra a resolução aprovada, o que significa que o projeto ficará paralisado até que se resolva o fundo da questão", informou a Justiça em comunicado.

Com esta resolução, do tribunal da cidade chilena de Puerto Montt, no sul, o empreendimento hidroelétrico, com tramitação ambiental já aprovada pelo governo, fica suspenso até se esgotarem os recursos.

O Hidroaysen, aprovado em maio passado, foi motivo de uma forte controvérsia: o governo o apoia, por considerar que o país precisa com urgência de energia, enquanto ambientalistas consideram que destruirá uma fonte de riqueza natural e paisagística importante. A construção das represas é um empreendimento conjunto da espanhola Endesa - controlada pela italiana Enel - e a chilena Colbún, representando um investimento total de mais de 7 bilhões de dólares, incluindo uma extensa linha de transmissão de mais de 2 mil quilômetros, nos rios Baker e Pascua.

veja também