MENU

Kadhafi estaria próximo à fronteira com a Argélia, dizem rebeldes

Kadhafi estaria próximo à fronteira com a Argélia, dizem rebeldes

Atualizado: Quarta-feira, 28 Setembro de 2011 as 9

O coronel Muammar Kadhafi supostamente está escondido na cidade de Ghadamis, no oeste da Líbia e perto da fronteira com a Argélia, sob a proteção de membros da tribo Touareg, afirmou uma autoridade militar sênior da Líbia.

"Uma tribo, a Touareg, ainda o está apoiando e acredita-se que ele esteja na região sul de Ghadamis", disse à Reuters por telefone Hisham Buhagiar, autoridade militar sênior da nova liderança da Líbia, na noite de terça-feira.

Buhagiar, coordenador da caça a Kadhafi, explicou que o líder deposto supostamente estaria na cidade de Samnu, ao sul, há uma semana, antes de mudar-se para Ghadamis, que está 550 quilômetros a sudoeste de Trípoli.

Saif al-Islam fala a seguidores em 20 de setembro, em imagem divulgada por TV leal a Kadhafi (Foto: AP) Ele disse que Saif al-Islam, filho do ex-líder, estava em Bani Walid, e outro filho de Gaddafi, Mutassem, estava em Sirte, cidade-natal da família.

"Ambos estão pensando em deixar a Líbia, talvez para o Níger", acrescentou Buhagiar.

Sirte, um dos últimos bastiões de apoio a Kadhafi, está cercada pelas forças da atual liderança da Líbia, o Conselho Nacional de Transição (CNT), e sob bombardeio de aviões de guerra da Otan.

A tomada de Sirte, a 450 quilômetros ao leste de Trípoli, colocaria o CNT mais perto da conquista do controle de todo o país, um objetivo que já dura mais de um mês desde que os combatentes tomaram a capital.

Segundo Buhagiar, a maioria das tribos do sul era contra Kadhafi, com exceção da Touareg, que ainda o apoia.

'Houve um confronto entre homens da tribo Touareg que são leais a Kadhafi e árabes que moram lá (no sul). Estamos negociando. A busca por Gaddafi está tomando um rumo diferente', disse Buhagiar, sem elaborar.

A filha de Kadhafi, Aisha, os irmãos Hannibal e Mohammed, e a mãe deles, Safia, além de vários outros membros da família, fugiram para a Argélia em agosto e moram lá desde então.        

veja também