MENU

Líder da Costa do Marfim expulsa embaixadores britânico e canadense

Líder da Costa do Marfim expulsa embaixadores britânico e canadense

Atualizado: Sexta-feira, 7 Janeiro de 2011 as 8:36

O governo de Laurent Gbagbo, um dos dois presidentes que reivindicam o poder na Costa do Marfim, decidiu expulsar os embaixadores da Grã-Bretanha e do Canadá, segundo um comunicado divulgado nesta quinta-feira (6) à noite na rede de televisão estatal.

"Pôs fim" às credenciais na Costa do Marfim dos embaixadores britânico e canadense, indicou o comunicado lido pelo porta-voz do governo, Ahoua Don Mello, que se referiu a uma medida de "reciprocidade".

Grã-Bretanha e Canadá retiraram no fim de dezembro as credenciais dos embaixadores marfinenses designados nestes países por Laurent Gbagbo e indicaram que reconheceriam os representantes nomeados por seu rival Alassane Ouattara, considerado o presidente eleito pela comunidade internacional.

Gbagbo se recusa a deixar o cargo mesmo após a comunidade internacional reconhecer como legítima a eleição do oposicionista Alassane Ouattara em 28 de novembro. Desde então, a violência dos confrontos entre militantes já provocou a morte de 210 pessoas no país, segundo a ONU.

veja também