MENU

Medvedev admite falha na luta contra as drogas na Rússia

Medvedev admite falha na luta contra as drogas na Rússia

Atualizado: Segunda-feira, 18 Abril de 2011 as 10:01

France Presse imprimir

Presidente russo fala durante visita a centro de reabilitação para drogas em Irkutsk, na Sibéria (Foto: AFP)

  O presidente russo, Dmitri Medvedev, reconheceu nesta segunda-feira (18) a falta de progressos na luta contra a as drogas na Rússia, país que tem 2,5 milhões de viciados, 70% deles com menos de 30 anos.

"Apesar da atenção crescente que concedemos a este tema e, apesar da adoção há um ano de uma estratégia estatal de luta contra as drogas até 2020, temos poucos resultados positivos", afirmou Medvedev em uma reunião na Sibéria sobre o assunto.

O presidente reconheceu que o número oficial de 650.000 viciados em drogas na Rússia está subestimado.

"Temos pelo menos 2,5 milhões de pessoas que consomem drogas. É um número pavoroso. Além disso, 70% deles têm menos de 30 anos", disse.

O consumo de drogas aumentou vertiginosamente na Rússia com o fim da União Soviética, sobretudo a heroína, que chega ao país procedente do Afeganistão.      

veja também