MENU

Milhares se despedem do fundador do movimento islamita da Turquia

Milhares se despedem do fundador do movimento islamita da Turquia

Atualizado: Terça-feira, 1 Março de 2011 as 11:12

Milhares de pessoas compareceram nesta terça-feira (1º), em Istambul, ao funeral do fundador do movimento islamita da Turquia , Necmettin Erbakan, que morreu no domingo aos 84 anos e que atuou por quatro décadas na vida política da Turquia.

O engenheiro e pioneiro do islamismo político turco foi o mentor de várias autoridades atuais, incluindo o presidente Abdullah Gul e o primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan, que assistiram à cerimônia.

A cerimônia aconteceu na histórica mesquita de Fatih, na margem europeia de Istambul, com um grande dispositivo de segurança.   O líder do grupo radical palestino Hamas, Khaled Mechaal, que chegou a ter a presença anunciada para o enterro, não viajou à Turquia.

Necmettin Erbakan foi o primeiro chefe de governo islamita na história da Turquia, em um governo de coalizão, em 1996.

Ele foi obrigado a renunciar um ano mais tarde por pressão do Exército, guardião dos valores laicos do país, já que seu partido, que mais tarde foi considerado ilegal, promovia o islã na vida cotidiana e por seus vínculos com Irã e Líbia.

Durante uma visita a Trípoli em 1997, o líder líbio Muammar Kadhafi criticou a adesão da Turquia à Otan e sua aliança com Israel, e se mostrou partidário da independência dos curdos.

Necmettin Erbakan representava a velha guarda do islamismo turco. O atual primeiro-ministro, Recep Tayyip Erdogan, fundou o próprio partido em 2001, com bases mais modernas e republicanas, conquistando o poder no ano seguinte.

Erbakan permaneceu ativo até a morte, como líder de uma pequena organização islamita, o Partido da Felicidade.

veja também