MENU

Ministros ligados ao ex-presidente deixam partido na Tunísia

Ministros ligados ao ex-presidente deixam partido na Tunísia

Atualizado: Quinta-feira, 20 Janeiro de 2011 as 11:11

Todos os ministros do governo de transição da Tunísia membros do partido do ex-presidente Zine El Abidine Ben Ali, a Reunião Constitucional Democrática (RCD), renunciaram à sigla.

A Agência Tunisiana de Imprensa (TAP) também informou que os membros da RCD do governo renunciaram a suas funções dentro do partido, como haviam feito na terça-feira o presidente interino Fued Mebazaa e o primeiro-ministro do governo de transição, Mohamed Ghannouchi.   Quatro ministros ligados a sindicatos e da oposição deixaram o governo interino nesta semana, exigindo a demissão dos ministros do RCD. A medida visava restabelecer a credibilidade do gabinete.

  A população tunisiana e parte da oposição criticara a presença de oito membros do antigo gabinete de Ben Ali no governo de transição formado na segunda-feira, incluindo ministros de pastas importantes como Interior, Defesa, Relações Exteriores e Finanças.

O governo de transição celebra nesta quinta-feira o primeiro conselho de ministros .

Na pauta da reunião estão a separação do Estado e do antes poderoso RCD, assim como um projeto de anistia geral.    

veja também