MENU

Mortos nas Filipinas chegam a 58 após passagem de dois tufões

Mortos nas Filipinas chegam a 58 após passagem de dois tufões

Atualizado: Segunda-feira, 3 Outubro de 2011 as 11:10

As autoridades filipinas elevaram nesta segunda-feira (3) para 58 o número de mortos por causa dos tufões Nesat e Nalgae, que passaram pelo norte do país de forma consecutiva em menos de uma semana e deixaram milhares de pessoas isoladas devido às inundações.

O serviço meteorológico  governamental das Filipinas , chamado Pagasa, informa que o Nalgae, o último a passar pelas Filipinas no sábado, se afastou no domingo pela costa nordeste do país após arrasar várias províncias do norte da ilha de Luzon.

Os dois tufões, combinados, afetaram 2,9 milhões de pessoas e causaram, pelo menos, 34 desaparecimentos.

Segundo o Centro de Prevenção de Desastres, o Nalgae causou a morte de um homem de 35 anos soterrado por um deslizamento de terra na província de Benguet, de uma criança de quatro anos e de um homem de 38, os dois afogados em uma enchente na província de Tarlac.

As últimas vítimas registradas por causa do Nesat, que passou pelo norte do país na terça-feira passada, são duas crianças de oito e 14 anos da província de Bulacan, ao norte de Manila, outra criança de 11 anos, na vizinha província de Pampanga, e um homem de 57 anos, da região de Zambales, todos afogados nas enchentes.      

veja também