MENU

Número de mortos em explosão de mina de carvão na China sobe a 21

Número de mortos em explosão de mina de carvão na China sobe a 21

Atualizado: Sexta-feira, 11 Novembro de 2011 as 9:42

O número de mineiros mortos em um poço de extração de carvão da China aumentou nesta sexta-feira para 21, enquanto outros 22 permanecem presos no subsolo da jazida que, segundo as autoridades chinesas, operava sem licença.

O acidente aconteceu ontem, quando 43 mineiros trabalhavam na mina de carvão Sizhuang, na comarca de Shizong, próxima à cidade de Qujing, na província de Yunnan.

Trata-se do segundo acidente grave em uma mina de carvão chinesa nesta semana, o que disparou os alarmes sobre a segurança no setor após as investigações revelarem que o poço de Yunnan, de gestão privada, operava sem licença.

As equipes de resgate trabalham contra o relógio para resgatar os 22 mineiros que estão ainda presos nos corredores atingidos pela explosão.

As máquinas de ventilação estão tentando extrair o excesso de gás metano para fora do poço, enquanto centenas de soldados de resgate extraem escombros e outros resíduos do poço para localizar os sobreviventes.

"O resgate é difícil porque os níveis de gás continuam altos e podem produzir outra explosão a qualquer momento", explicou à agência oficial de notícias Xinhua Tan Xiaopeng, um dos bombeiros.

As investigações preliminares indicam que aconteceu um escape de gás em uma das plataformas interiores do poço que se estendeu para outra adjacente, onde após a explosão ficaram presos 43 mineiros em dois espaços separados.

Na quinta-feira passada, um desabamento em um poço de carvão da província de Henan deixou oito mortos e 53 mineiros presos durante quase dois dias antes de serem resgatados com vida.

O consumo de energia da China depende em mais de 60% do carvão; por isso a necessidade de cavar em profundidades cada vez maiores e a falta de medidas de segurança transformam o setor mineiro chinês no mais letal do mundo, com mais de três mil mortes no ano passado.          

veja também