MENU

Número de mortos pela repressão na Síria sobe a 17, dizem ativistas

Número de mortos pela repressão na Síria sobe a 17, dizem ativistas

Atualizado: Sexta-feira, 20 Maio de 2011 as 3:34

Subiu para 17 o número de mortos vítimas de disparos das forças de segurança sírias, nesta sexta-feira (20), durante mais um dia de protestos contra o regime, informaram ativistas dos direitos humanos.

Nove pessoas, incluindo uma criança, morreram na cidade de Homs (centro), enquanto cinco faleceram em Maaret Al Naaman, perto de Idlib (oeste), outras duas em Deraa (sul) e mais uma em um subúrbio de Damasco.

Milhares de pessoas voltaram a se manifestar nesta sexta-feira em vários pontos do país, incluindo Alep e Damasco.

Não é possível fazer uma verificação independente destas mortes devido às restrições impostas pelo regime de Bashar al Assad à imprensa estrangeira.

Canhão de água dispersa manifestantes antigoverno em protesto em Banias, em data não confirmada (Foto: AP)

  O regime do presidente Bashar al Assad considerou "arrogante" o discurso feito pelo presidente americano Barack Obama na véspera, em que ele apoiou os oposicionistas.          

veja também