MENU

Observadores e ONGs dizem que eleições no Egito foram fraudulentas

Observadores e ONGs dizem que eleições no Egito foram fraudulentas

Atualizado: Segunda-feira, 29 Novembro de 2010 as 9:38

Vários grupos de observadores eleitorais independentes e ONGs internacionais avaliaram nesta segunda-feira, 29, que as eleições parlamentares do Egito realizadas no domingo foram fraudulentas e não ocorreram com transparência. "Há provas suficientes para comprovar a fraude eleitoral", afirmou Magdy Abdel Hamid, em nome de várias organizações locais e outras internacionais como Anistia Internacional e Human Rights Watch (HRW).

No domingo, apoiadores da oposição, representada principalmente pelo bloco fundamentalista Fraternidade Muçulmana, cercaram os locais de votação no Egito e enfrentaram a polícia em manifestações de protesto sob alegação de que as eleições legislativas foram fraudadas.

As manifestações aumentaram em vários locais na costa mediterrânea da cidade de Alexandria e no Cairo depois do encerramento das eleições. Centenas dos opositores foram presos.

No início desta segunda-feira, membros do partido reportaram grandes perdas nas eleições e disseram não ter obtido nenhum assento para o bloco no Parlamento, embora alguns candidatos ainda devam disputar o segundo turno do pleito.    

veja também