MENU

ONU nomeia comissão para apurar crimes contra a humanidade na Síria

ONU nomeia comissão para apurar crimes contra a humanidade na Síria

Atualizado: Segunda-feira, 12 Setembro de 2011 as 3:50

O Conselho de Direitos Humanos da ONU nomeou nesta segunda-feira (12) uma comissão de três especialistas para investigar as denúncias de violação de direitos humanos na Síria desde março, quando começaram os protestos contra o regime de Bashar al Assad.

O diplomata brasileiro Paulo Sérgio Pinheiro vai chefiar a comissão, que também terá o turco Yakin Erturk e a americana Karen Abu Zeid.   A criação da comissão havia sido aprovada em 23 de agosto pelo Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas para investigar denúncias de execuções arbitrárias, uso excessivo da violência e assassinatos.

A comissão tem prazo até o fim de novembro para relatar suas conclusões. O objetivo é reunir provas de supostos crimes contra a humanidade e indicar responsáveis, visando a um futuro julgamento.

A diplomata uruguaia Laura Dupuy Lasserre, que preside o conselho, pediu que as autoridades síria "colaborem completamente" com a comissão, segundo comunicado.

A alta comissária da ONU para os Direitos Humanos, Navi Pillay, disse que mais de 2.600 pessoas foram mortas desde o início dos protestos , que ocorrem no contexto das chamadas Revoltas Árabes, que derrubaram regimes totalitários em Tunísia, Egito e Líbia.          

veja também