MENU

ONU tenta acordo nuclear secreto com o Irã

ONU tenta acordo nuclear secreto com o Irã

Atualizado: Terça-feira, 17 Novembro de 2009 as 12

Autoridades das Nações Unidas e do Irã estão negociando, em segredo, um plano para que os países ocidentais levantem as sanções ao governo de Teerã. A intenção é que os iranianos mantenham seu programa nuclear em troca de cooperação com os inspetores da ONU, que hoje enfrentam problemas para investigar os centros nucleares do país. A informação foi publicada nesta terça (17) pelo jornal britânico The Times.

Segundo os documentos aos quais o jornal teve acesso, os 13 pontos da negociação foram colocados pelo diretor da AIEA (Agência Internacional de Energia Atômica, da ONU), o egípcio Mohamed El Baradei, prêmio Nobel da Paz em 2005.

A AIEA nega a existência do documento. Recentemente, a agência da ONU alertou que o Irã estava escondendo outros centros de desenvolvimento nuclear.

Segundo o Times, os diplomatas acreditam que El Baradei espera costurar um acordo para apresentar aos Estados Unidos, à China, Rússia, Reino Unido, França e Alemanha, países que estão negociando com os iranianos. O mandato do egípcio à frente da AIEA acaba neste mês e ele estaria trabalhando para conseguir um acordo até lá.

A proposta dos países ocidentais é que o Irã terceirize o enriquecimento do urânio que usa em seu programa nuclear, que os iranianos dizem ter fins pacíficos. O Ocidente desconfia, no entanto, que o objetivo do regime islâmico pode ser outro.

Em diversas ocasiões o governo de Teerã disse que não vai desistir de ter um programa nuclear e que não vai aceitar nenhum acordo que seja imposto pelos EUA, país com o qual não tem relações diplomáticas. O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, também fez várias ameaças ao Estado de Israel, que ele não reconhece.

veja também