MENU

Organização vinculada à Al-Qaeda reivindica matança

Organização vinculada à Al-Qaeda reivindica matança

Atualizado: Quinta-feira, 22 Março de 2012 as 1:15

Um grupo vinculado à rede Al-Qaeda no Magreb Islâmico (Aqmi) reivindicou a matança na cidade francesa de Toulouse, em um comunicado divulgado nesta quinta-feira na internet, no qual convocou a França a revisar sua política hostil em relação aos muçulmanos.

O texto, assinado pela organização "Jund al-Khilafah" (os soldados do Califado), que no passado reivindicou ataques no Afeganistão e no Cazaquistão, publicou a mensagem no site Shamikh, que divulga geralmente comunicados da Al-Qaeda.

Segundo o comunicado, a matança de Toulouse (França) foi praticada por "Yusef o francês", classificado como "um dos cavaleiros do Islã". "Essa operação bendita sacudiu os pilares dos sionistas cruzados no mundo inteiro (...) e nós a reivindicamos", afirma o grupo no texto.

O grupo exigiu que o governo francês "revise sua política em relação aos muçulmanos no mundo" e "abandone suas tendências hostis ao Islã (...)", ao considerar que esta política só vai gerar "desgraça e destruição".
Mohamed Merah, assassino em série que dizia ter ligações com a Al-Qaeda, foi morto nesta quinta-feira após permanecer 32 horas encurralado em um apartamento de Toulouse por homens da RAID, unidade de elite da polícia francesa.

veja também