MENU

Políticos de Ruanda cumprirão prisão perpétua por genocídio

Políticos de Ruanda cumprirão prisão perpétua por genocídio

Atualizado: Quarta-feira, 21 Dezembro de 2011 as 10:24

O tribunal para crimes de guerra da Organização das Nações Unidas ( ONU ) para Ruanda determinou nesta quarta-feira (21) que os ex-líderes do partido governista são culpados de genocídio por conduzir o massacre, em 1994, de 800 mil tutsis e hutus moderados, e condenou os acusados à prisão perpétua.

Mathieu Ngirumpatse e Edouard Karemera, que eram presidente e vice-presidente do partido governista MRND na época do genocídio, se declararam inocentes das acusações.

"A câmara condena unanimemente Ngirumpatse à prisão perpétua", disse o juiz que presidiu o julgamento, Dennis Byron, antes de ditar a mesma sentença para Karemera.      

veja também