MENU

Presidente do Equador revela outro sobrevivente de matança no México

Presidente do Equador revela outro sobrevivente de matança no México

Atualizado: Quinta-feira, 2 Setembro de 2010 as 8:45

O presidente do Equador, Rafael Correa, afirmou que uma segunda pessoa, de nacionalidade hondurenha, além de um equatoriano, sobreviveu à matança de 72 imigrantes latino-americanos no México semana passada, segundo declaração divulgada nesta quarta-feira (1º) pela presidência.

Correa disse ter recebido confirmação do fato por parte do equatoriano Luis Freddy Lala Pomavilla, que escapou do massacre fingindo-se de morto. Pomavilla foi repatriado no domingo e está sob proteção no Equador .

"No entanto, não queremos pôr em risco o outro sobrevivente, um hondurenho", afirmou o presidente ao retornar a Quito depois de uma visita ao Haiti.

' Irresponsável'

O chanceler de Honduras, Mario Canahuati, que confirmou a informação, tachou de "irresponsável" a revelação do segundo sobrevivente do massacre pelo presidente do Equador.

Há "uma testemunha encoberta que, lamentavelmente, de forma irresponsável foi anunciada por uma pessoa que deveria ter prudência, levando en consideração o risco que pode correr este cidadão e sua família", disse o ministro.

A existência de um segundo sobrevivente também foi confirmada pela Procuradoria Geral mexicana, que mantém sob proteção o cidadão de Honduras.

Até agora foram identificados 16 corpos de hondurenhos entre as 72 vítimas, repatriadas nesta quarta-feira num avião militar mexicano.

Postado por: Thatiane de Souza

veja também