MENU

Presidente iemenita aceita mediação dos países do Golfo; oposição rejeita

Presidente iemenita aceita mediação dos países do Golfo; oposição rejeita

Atualizado: Segunda-feira, 11 Abril de 2011 as 10:09

O presidente do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, aceitou o plano de mediação do Golfo Árabe que pretende supervisionar a entrega de poder ao vice-presidente e criaria um novo governo liderado pela oposição, disse nesta segunda-feira um comunicado de seu gabinete.

'A Presidência aceita os esforços de nossos irmãos do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) para resolver a atual crise no Iêmen', disse o comunicado. 'Ele (Saleh) não tem reservas sobre a transferência pacífica do poder dentro dos moldes da Constituição'.

  Milhares de jovens protestaram em Sanaa e rejeitaram o diálogo defendido pelas monarquias entre o regime e a oposição. "Não ao diálogo, a saída (do presidente Ali Abdullah Saleh) é a solução", gritaram os manifestantes, que caminhavam em direção à praça da Universidade, perto da residência do vice-presidente, Abd Rabo Mansur Hadi.

"O povo quer julgar o presidente", gritaram ainda os manifestantes, que rejeitam qualquer diálogo com o regime.

O Iêmen é cenário desde janeiro de manifestações que exigem a saída de Saleh. Mais de 100 pessoas morreram nos distúrbios.      

veja também