MENU

Pressionado, presidente do Iêmen admite renunciar, mas sob condições

Pressionado, presidente do Iêmen admite renunciar, mas sob condições

Atualizado: Sexta-feira, 25 Março de 2011 as 10:45

O presidente do Iêmen, Ali Abdullah Saleh, disse a milhares de simpatizantes na capital, Sanaa, nesta sexta-feira (25), que estava preparado para entregar o poder para impedir o derramamento de sangue, mas afirmou que só entregaria o governo a "mãos seguras".

"Não queremos poder, mas precisamos entregar o poder a mãos seguras, não a mãos doentes, ressentidas ou corruptas... Estamos prontos para deixar o poder, mas apenas em mãos seguras", disse Saleh em discurso transmitido pela televisão estatal, enquanto dezenas de milhares de seus opositores se manifestavam em outra parte da capital.   "Somos contra o disparo de um único tiro, e quando fazemos concessões, isso é para garantir que não haverá derramamento de sangue. Seguiremos firmes e desafiaremos (os manifestantes) com todo o poder que tivermos."      

veja também