MENU

Quase 500 mil haitianos deixaram Porto Príncipe após o terremoto, diz ONU

Quase 500 mil haitianos deixaram Porto Príncipe após o terremoto, diz ONU

Atualizado: Terça-feira, 2 Fevereiro de 2010 as 12

Um total de 482 mil pessoas abandonaram a capital haitiana, Porto Príncipe, para as regiões rurais do Haiti desde o terromoto que devastou o país em 12 de janeiro, anunciou nesta terça-feira, dia 2, a agência de coordenação de assuntos humanitários das Nações Unidas (Ocha).

As autoridades haitianas colocaram à disposição ônibus para as pessoas que desejassem deixar a capital.

Segundo cifras da Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (Minustah), a população dos departamentos do sul, de Grande Anse, de Nippes e da Colina Central, aumentou entre 15% e 20%.

"Devido à afluência destas novas populações, os preços dos produtos de base, como o arroz e o açúcar, aumentaram", segundo a Ocha.

veja também