MENU

Rebeldes líbios anti-Kadhafi afirmam ter retomado controle de Brega

Rebeldes líbios anti-Kadhafi afirmam ter retomado controle de Brega

Atualizado: Quarta-feira, 2 Março de 2011 as 11:34

Os rebeldes antigoverno da Líbia anunciaram nesta quarta-feira ter recuperado o controle da cidade de Brega (leste), depois de uma ofensiva das forças leais ao ditador Muammar Kadhafi, informaram fontes ligadas aos opositores em Ajdabiya (160 km ao oeste de Benghazi) e também a rede Al Jazeera.

As informações sobre a situação na cidade são contraditórias.

As forças do coronel entraram nesta quarta-feira em Brega, cidade que era controlada pela oposição e onde foram registrados violentos combates, 200 km ao sudoeste de Benghazi, informaram testemunhas e fontes do grupo rebelde.

"Durante a noite, as forças de Kadhafi atacaram o aeroporto de Brega, onde enfrentaram os rebeldes", disse à France Presse Ayman al Moghrabi, um médico que participa no apoio aos combatentes de Ajdabiya.     Dois rebeldes teriam morrido nos confrontos.

Entrevistado por telefone, um funcionário de uma refinaria de Brega afirmou que não podia sair de casa.

As forças militares entraram em Brega com vários tanques e artilharia pesada e ocuparam um bairro residencial, segundo testemunhas, que também relataram combates intensos no porto da cidade.

Ataques aéreos também foram registrados contra a cidade de Ajdabiya, controlada pelos insurgentes, no leste, informaram testemunhas.

Aparentemente o alvo dos ataques era um depósito de munições nas proximidades da cidade, que já havia sido bombardeado há dois dias. Moradores da região, no entanto, afirmaram que o alvo era uma base militar que caiu em poder dos rebeldes, a três quilômetros de Ajdabiya.

Ao mesmo tempo, forças leais a Kadhafi tentavam retomar o controle de cidades ao redor da capital, Trípoli.

Também crescem as pressões diplomáticas e militares sobre o ditador, no poder desde 1969.     Nesta terça, a Assembleia Geral da ONU decidiu suspender a Líbia do Conselho de Direitos Humanos da entidade. A decisão foi unânime.

O Pentágono também anunciou que está aproximando dos navios militares anfíbios da costa líbia. A princípio, o objetivo das centenas de fuzileiros é ajudar em operações humanitárias, segundo a Defesa dos EUA, mas a opção militar ainda está na mesa.

Bens na Espanha

O governo de José Luis Rodríguez Zapatero congelará os bens mantidos pelo regimede Kadhafi, na Espanha. Os bens do ditador na Espanha consistem essencialmente de um terreno na província de Málaga (sul), propriedade de uma entidade pertencente ao Banco Central líbio.    

veja também