MENU

Renault corta previsão para mercado global após terremoto no Japão

Renault corta previsão para mercado global após terremoto no Japão

Atualizado: Segunda-feira, 11 Julho de 2011 as 1:43

Renault prevê redução de ritmo de crescimento

(Foto: FABRICE COFFRINI/AFP)

  A Renault reduziu sua previsão de crescimento no mercado mundial de automóveis este ano depois dos problemas causados pelo terremoto de março no Japão. De acordo com a empresa, a Europa terá desempenho menor que o do restante do mundo.

A Renault, que tem como parceira a Nissan Motos, previu nesta segunda-feira (11) que as vendas em volume do mercado global de veículos vão crescer de 3% a 4% em 2011. A Europa, enquanto isso, é vista pelo grupo como apresentando vendas com crescimento nulo a queda de 2%.

Em janeiro, a Renault havia previsto que a indústria mundial cresceria mais de 4%, antes que o terremoto seguido por tsunami devastasse fornecedores japoneses de autopeças, repercutindo em montadoras pelo mundo.

"O mercado mundial cresceu a uma taxa de 5,4% nos primeiros seis meses, mas no começo de 2011 estávamos vendo um ritmo de 8%... este nível não será alcançado por causa do impacto da tsunami na nossa indústria", disse o diretor comercial da companhia, Jerome Stoll.

A Renault informou que a participação de veículos do grupo vendidos fora da Europa subiu 6 pontos percentuais, para 40%, apoiada por Brasil e Rússia. As vendas do grupo fora da Europa subiram em 20,4%, para 542.411 unidades no primeiro semestre.        

veja também