MENU

Sebastián Piñera vence 2º turno das eleições chilenas

Sebastián Piñera vence 2º turno das eleições chilenas

Atualizado: Segunda-feira, 18 Janeiro de 2010 as 12

O candidato governista de centro-esquerda Eduardo Frei reconheceu sua derrota para o direitista Sebastián Piñera no segundo turno das eleições chilenas deste domingo, dia 17.

"Quero felicitar Sebastián Piñera. A maioria dos chilenos lhe deram sua confiança para que conduza os destinos do país pelos próximos quatro anos, e desejo êxito em sua gestão", disse o candidato derrotado.

De acordo com a apuração oficial, Piñera tem 51,6% dos votos e Frei tem 48,4%, com 99% das urnas apuradas.

As urnas começaram a ser fechadas e os votos apurados às 17h de Brasília deste domingo, dia 17. Em uma jornada eleitoral sem sobressaltos, cerca de 8,3 milhões de chilenos foram convocados às urnas após o primeiro turno, realizado em 13 de dezembro.

Empresário

Aos 60 anos, Piñera é economista e fez mestrado e doutorado na mesma área. Ele trabalhou na Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal), atuou como professor universitário. e já foi senador e presidente do seu partido.

Piñera é um dos homens mais ricos do Chile, proprietário de uma rede de televisão, detentor de partes da companhia aérea LAN e com investimentos variados nos setores de minerador, imobiliário e de saúde. Ele prometeu consolidar a "economia social de mercado", sempre privilegiando os empregos.

A derrota do candidato governista representa a volta da direita chilena à Presidência pela via democrática 52 anos depois da vitória de Jorge Alessandri, em 1958.

Piñera também põe fim a quatro mandatos consecutivos da Concertação e se transforma no primeiro líder da direita desde o retorno do Chile à democracia, em 1990, após 17 anos do regime militar comandado por Augusto Pinochet (1973-1990).

veja também