MENU

Tailândia liberta líder dos "camisas vermelhas" para se candidatar a deputado

Tailândia liberta líder dos "camisas vermelhas" para se candidatar a deputado

Atualizado: Segunda-feira, 28 Junho de 2010 as 9:34

As autoridades da Tailândia libertaram nesta segunda-feira de forma temporária um opositor acusado de terrorismo durante os protestos dos últimos meses para se registrar como candidato a deputado nacional por Bancoc.

Korkaew Pikulthong, um dos líderes dos ''camisas vermelhas'', deixou a prisão de Bancoc com sua filha nos braços e uma camiseta na qual se lia ''Liberdade, Independência, Igualdade e Democracia'' para se apresentar como candidato às eleições do próximo dia 25 de julho.

Pikulthong foi detido no dia 19 de maio acusado de terrorismo por sua participação nos protestos que acabaram com mais de 80 mortos e 30 incêndios em diferentes partes da capital, após mais de dois meses de mobilizações.

Os tribunais lhe concederam a liberdade temporária para apresentar sua candidatura a uma cadeira de parlamentar, após a morte do deputado que ocupava o assento.

veja também