MENU

Terremoto de 7,1 graus atinge Honduras

Terremoto de 7,1 graus atinge Honduras

Atualizado: Quinta-feira, 28 Maio de 2009 as 12

Pelo menos uma pessoa morreu e outra ficou ferida nesta quinta-feira, 28 de maio, vítimas do terremoto de magnitude 7,1 que atingiu Honduras.

Elas estavam em uma casa que desabou na cidade de Lima, a 230 km da capital, Tegucigalpa, segundo a Cruz Vermelha.

Também houve pânico e danos materiais em várias regiões do norte, centro e oeste do país, segundo as autoridades.

O comandante do Corpo de Bombeiros, Carlos Cordero, disse à imprensa local que uma ponte na cidade de El Progreso ficou danificada, por isso a comunicação entre essa cidade e San Pedro Sula, a segunda mais importante do país, foi interrompida.

O chefe regional da Comissão Permanente de Contingências (Copeco) em San Pedro Sula, Carlos González, disse que uma pessoa morreu e outra ficou ferida no município de La Lima, devido ao desabamento de uma casa.

Segundo os relatórios preliminares dos Bombeiros e da Copeco há pelo menos 30 casas atingidas nos municípios de Yoro, El Progreso, Santa Bárbara, Puerto Cortés e Gracias, regiões no norte e oeste do país.

Depois do tremor, que aconteceu por volta das 2h26 (5h26 de Brasília), houve pelo menos três réplicas de cerca de 4 graus na escala Richter.

O comandante dos Bombeiros também fez uma chamada aos habitantes dos departamentos de Atlántida e Colón para que deixem o local "devagar e em ordem", e busquem lugares seguros de pelo menos três metros de altura, perante uma eventual ressaca que poderia causar muito prejuízo.

O Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico desativou o alarme para o Caribe e a América Central que iniciou por causa do terremoto.

O instituto, situado no Havaí (Estados Unidos), tinha advertido que existia a possibilidade de um tsunami em uma área de 100 quilômetros de raio do epicentro do terremoto, o que afetava Honduras, Belize e Guatemala.

Em Manágua, um porta-voz da Defesa Civil, o tenente-coronel Giovanni Perez, informou à imprensa local que foram sentidos fortes tremores no norte e no oeste da Nicarágua, que acordaram parte da população.

O tremor não causou danos nem vítimas neste país, mas espalhou preocupação, já que o terremoto deixou sem energia elétrica muitos municípios dessas regiões nicaraguenses

veja também