MENU

Tropas aliadas destruíram um terço da força militar de Kadhafi na Líbia

Tropas aliadas destruíram um terço da força militar de Kadhafi na Líbia

Atualizado: Terça-feira, 5 Abril de 2011 as 2:09

Potências do Ocidente destruíram quase um terço da força militar do ditador Muammar Kadhafi desde o lançamento da campanha militar no mês passado, disse uma autoridade da Otan nesta terça-feira (5).

Os países ocidentais disseram que, por enquanto, a área ao redor de Misrata -- a única grande cidade no oeste da Líbia onde a revolta contra Kadhafi ainda não foi reprimida -- era a principal prioridade dos ataques aéreos da Otan. Já se passaram sete semanas desde o início das revoltas na Líbia.

A Otan assumiu em 31 de março o comando das operações, que antes eram lideradas por uma coalizão formada por Estados Unidos, Grã-Bretanha e França, e está mantendo uma zona de exclusão aérea sancionada pelas ONU e lançando ataques aéreos contra as forças de Kadhafi para proteger civis.

"A avaliação é que tiramos 30% da capacidade militar de Kadhafi", disse o general de brigada Mark van Uhm, oficial da Otan, em coletiva de imprensa em Bruxelas.

Nesse último dia, ataques ao redor de Misrata atingiram tanques, sistemas de defesa e outros veículos armados de Kadhafi, afirmou o oficial.

Próximo à cidade de Brega, no leste do país, onde combates intensos estão acontecendo pelo sexto dia seguindo, um avião da Otan atingiu um lançador de foguetes, além de depósitos de munições em outras áreas, afirmou.

No entanto, Van Uhm disse que Gaddafi estava usando civis como escudos humanos e escondendo seus armamentos em áreas populosas, o que estaria dificultando a capacidade da Otan em atingir os alvos.      

veja também