MENU

Uso da palavra ''Alá'' leva a ataques religiosos na Malásia

Uso da palavra ''Alá'' leva a ataques religiosos na Malásia

Atualizado: Sexta-feira, 8 Janeiro de 2010 as 12

Três igrejas foram atacadas na Malásia, em meio a polêmica sobre o direito dos católicos de escrever a palavra ''Alá'' em um país majoritariamente muçulmano.

Um dos edifícios religiosos foi incendiado na noite desta quinta-feira (7) em um subúrbio de Kuala Lumpur. Dois coquetéis molotov foram lançados contra outros dois templos, mas não foram registrados danos graves. O ministro do Interior, Hishamudin Husein, afirmou:

''Considero que os acontecimentos são muito graves. Queremos assegurar à população que não se tratam de atos coordenados e planejados''.

O chefe de polícia, Musa Hasan, anunciou a mobilização de oficiais para proteger as igrejas, já que grupos de muçulmanos pretendem protestar.

O Alto Tribunal da Malásia suspendeu na última quarta-feira (6) a autorização concedida a um jornal católico local de utilizar a palavra ''Alá'', depois que o governo destacou a ameaça de tensão religiosa.

Na semana passada, no entanto, o mesmo tribunal havia considerado que o Herald Weekly tinha o direito de utilizar a palavra ''Alá''.

veja também