MENU

Verdes deixam coalizão de governo na Irlanda

Verdes deixam coalizão de governo na Irlanda

Atualizado: Segunda-feira, 24 Janeiro de 2011 as 9:49

O Partido Verde irlandês anunciou ontem sua saída da coalizão de governo com o Fianna Fail, complicando ainda mais a situação do primeiro-ministro Brian Cowen e pressionando o governo a convocar eleições antecipadas. "Nossa paciência chegou ao limite", declarou o líder do PV, John Gormley. "As eleições são absolutamente necessárias." O Partido Verde era considerado crítico para a sobrevivência da coalizão de Cowen, que agora comanda um governo com apenas 7 dos 15 ministros do país - número que é o limite permitido pela Constituição da Irlanda.

Gormley disse que os integrantes de seu partido apoiariam a votação da Lei de Finanças e depois se juntariam à oposição para pressionar o governo a antecipar as eleições gerais para fevereiro. Cowen está sob intensa pressão para convocar eleições antes da data prevista de 11 de março. No sábado, o premiê viu-se obrigado a deixar a liderança do Fianna Fail, depois de uma semana de crise na qual seis ministros pediram demissão.

Ontem, Cowen disse que a retirada do PV de sua coalizão torna essencial que todos os partidos cheguem a um acordo nos próximos dias para acelerar a aprovação da Lei de Finanças. O premiê ainda rejeitou renunciar ao cargo antes que a lei seja aprovada.

Os dois maiores partidos de oposição no Parlamento - Fine Gael e Trabalhista - estão ameaçando pedir um voto de desconfiança contra Cowen caso a Lei de Finanças não seja aprovada até sexta-feira. As duas legendas - que também estão pressionando pela antecipação das eleições - são as favoritas para formar uma nova coalizão de governo.    

veja também