MENU

Idosa conta como foi agredida por jovens dentro de casa em SP

Idosa conta como foi agredida por jovens dentro de casa em SP

Atualizado: Terça-feira, 24 Maio de 2011 as 8:20

A aposentada de 89 anos que foi agredida com socos e chutes por duas mulheres na sexta-feira (20) em São Manuel, no interior de São Paulo, contou que as suspeitas do crime queriam dinheiro e a agrediram principalmente na cabeça. A casa onde Angelina Soares Salleme mora fica a menos de 100 metros de duas delegacias da cidade, mas a proximidade com a polícia não impediu o crime.

A casa foi invadida por duas mulheres – uma de 22 anos, que foi presa, e uma adolescente de 15 anos, que foi apreendia, ambas nesta segunda-feira (23). A aposentada só se lembra da mulher mais velha. “Ela batia aqui no pescoço, na cabeça foi o pior. Ela fechava a mão”, contou Angelina.

Como não tinha dinheiro em casa a idosa foi torturada por quase três horas com chutes e socos. “Queria me matar porque queria dinheiro. Eu falei ‘ai meu Deus do céu, eu não tenho dinheiro, eu não recebi.’ Eu recebo uma miséria. Como é que eu ia dar, não tinha mesmo.”  

Sem poder pedir socorro, Angelina passou a noite em casa, bastante machucada. Os vizinhos só foram perceber o crime no outro dia de manhã, porque viram marcas de sangue na janela.

A aposentada Clemilde Dante ajudou a socorrer Angelina. Ela ouviu barulhos durante a noite, mas não desconfiou de nada. Quando viu a vizinha ferida, ficou horrorizada. Sônia Maria Salleme Egea filha da idosa, que mora em Sorocaba, se assustou ao ver os ferimentos no rosto da mãe.

A adolescente apreendida foi encaminhada a uma unidade da Fundação Casa. A mulher, que já tem passagens pela polícia por tráfico, foi levada à cadeia de Itatinga. Ela vai responder por roubo qualificado e tortura. Da casa da idosa foram levados refrigerantes e alimentos que estavam na geladeira, além de utensílios de cozinha.            

veja também