Final de ano representa queda no número de doadores de sangue

Final de ano representa queda no número de doadores de sangue

Atualizado: Terça-feira, 10 Dezembro de 2013 as 6

 

Final de ano representa queda no número de doadores de sangue

Neste mês terão início as festas de fim de ano, as quais muitas pessoas pensam em se divertir e viajar. Mas, nem tudo é só alegria. No período, hemocentros e bancos de sangue precisam manter os estoques para atender as demandas por transfusões dos hospitais e serviços de urgência e emergência que costumam aumentar em feriados como Natal e Ano Novo, devido ao número de acidentes nesta época.
 
De acordo com José Augusto Barreto, superintendente geral da Associação Beneficente de Coleta de Sangue (Colsan), entidade que abastece com hemocomponentes todos os hospitais da prefeitura do município de São Paulo, e hospitais das regiões do ABC, Jundiaí e Sorocaba, neste período de festas é maior o número de acidentes, o que consequentemente eleva a demanda de transfusões. “Doar sangue é essencial para pacientes com grande perda sanguínea, com doenças hematológicas, alguns tipos de cânceres e doentes transplantados”.
 
A Colsan reforça que, apesar das campanhas de conscientização quanto ao ato de doar, o número de doadores de sangue está abaixo do esperado no Brasil atualmente. Hemocentros e bancos de sangue precisam manter os estoques para atender as demandas por transfusões dos hospitais e serviços de urgência e emergência.
 
Segundo dados da Organização Mundial de Saúde (OMS), a média ideal de doadores de sangue está entre 3 e 5% em relação à população de um país. A média brasileira é de 1,9% nos últimos cinco anos, inferior ao recomendado.
 
Requisitos para doação
 
* Portar documento oficial de identidade com foto (RG, Carteira Profissional, Carteira de Habilitação);
 
* Ter entre 16 e 69 anos de idade, sendo que a primeira doação deve ter sido feita antes dos 60 anos (os postos de coleta de sangue terão que se adequar ao aumento da idade máxima para doar sangue de 67 para 69 anos até dia 11/02. Quem estiver nesta faixa etária e quiser doar antes desta data deverá ligar para o posto escolhido para confirmar se ele já está adequado às novas regras);
 
* Pesar acima de 50 Kg;
 
* Estar em boas condições de saúde;
 
* Estar alimentado, porém tendo evitado refeições pesadas (gordurosas);
 
* Não deve ter risco acrescido para doenças transmissíveis pelo sangue (usuário de drogas injetáveis e inalatórias, prática de sexo não seguro e vários parceiros sexuais ou ser parceiro sexual de portadores de Aids ou Hepatite).
 
*Obs: Os doadores menores de 18 anos acompanhados pelo responsável legal devem levar cópia do documento de identidade de ambos e preencher autorização no momento da doação, ou se desacompanhado, levar cópias dos documentos de identidade e o documento de autorização para doação com firma reconhecida em cartório.

veja também