MENU

Israel

27 de janeiro: ‘Dia do Memorial do Holocausto’ relembra genocídio de milhões de judeus

Estima-se que entre 6 e 10 milhões de judeus perderam suas vidas durante o período nazista.

Fonte: Guiame, com informações do Hora Campinas e Israel365Atualizado: quinta-feira, 27 de janeiro de 2022 13:45
Campo de Auschwitz foi palco de mais de 1 milhão de morte de judeus. (Foto: Reprodução / Maxpixel)
Campo de Auschwitz foi palco de mais de 1 milhão de morte de judeus. (Foto: Reprodução / Maxpixel)

Todos os anos é comemorado o “Dia do Memorial do Holocausto” (Holocaust Memorial Day), uma data para lembrar, homenagear e compartilhar as histórias dos perseguidos pelo genocídio.

O dia 27 de janeiro é o aniversário da libertação do campo de concentração de Auschwitz, onde mais de um milhão de judeus foram assassinados antes da libertação.

Estima-se que entre 6 e 10 milhões de judeus perderam suas vidas durante o período. Atualmente em Israel existem mais de 165 mil sobreviventes do Holocausto. As agências israelenses definem como sobrevivente qualquer pessoa “exposta” ao regime nazista, incluindo aqueles que viveram em países conquistados pela Alemanha nazista ou estavam sob influência do regime entre 1933 a 1945, assim como refugiados que escaparam dessas áreas no período.

A data comemorativa foi estabelecida pelas Nações Unidas. Este ano, o tema do Dia do Memorial do Holocausto 2022 é “Um dia”.

Dia de reflexão e orações

Em sua primeira aparição diante de uma audiência exclusivamente cristã como o novo presidente do Yad Vashem (o memorial oficial de Israel para lembrar as vítimas judaicas do Holocausto), Dani Dayan exortou o mundo cristão a transformar o “Dia Internacional em Memória do Holocausto” em uma data especial de reflexão, oração e combate ao antissemitismo.

“Para cada pessoa decente no mundo, 27 de janeiro não deveria ser um dia normal. O dia 27 de janeiro deve ser um dia de reflexão, um dia de oração, um dia de meditação sobre como homenagear as vítimas, como melhorar o combate ao antissemitismo e como fortalecer o relacionamento com o povo judeu e o estado de Israel”, disse Dayan.

Cerimônia Memorial na Praça Raoul Wallenberg em Estocolmo com sobreviventes do Holocausto. (Foto: Frankie Fouganthin / Creative Commons)

“Todas as coisas que eu disse são boas 365 dias por ano, mas 27 de janeiro agora tem um significado especial. Então, peço a todos os nossos espectadores que, quando acordarem em 27 de janeiro, não façam disso um dia normal. Faça um dia de reflexão, um dia de oração, um dia de fé, um dia de solidariedade com as vítimas, com o povo judeu e com o Estado de Israel, e um dia de combate ao antissemitismo”.

Dayan apareceu na terça-feira (25/01) na conferência anual de liderança Envision organizada pela Embaixada Cristã Internacional de Jerusalém, que este ano reuniu quase 1.000 pastores cristãos e líderes de ministérios de mais de 50 nações para um evento online de um mês.

Em 2006, o Yad Vashem firmou uma parceria especial com o ICEJ para abrir um alcance único ao mundo cristão, lançando a iniciativa “Amigos Cristãos do Yad Vashem”. Como parte desse esforço cooperativo, o ICEJ organiza uma conferência anual de pastores durante a semana de 27 de janeiro, que visa educar melhor os pastores cristãos e líderes de ministérios sobre o Holocausto e a necessidade de apoiar Israel hoje. Por causa das restrições de viagem do coronavírus, a conferência deste ano é um evento de transmissão totalmente online, com quase 1.000 pastores e líderes de ministérios de todo o mundo participando.

Em sua entrevista ao vivo com o presidente do ICEJ, Dr. Jürgen Bühler, o presidente Dayan acrescentou: “Nós prezamos extremamente nossa amizade com o mundo cristão, com você pessoalmente e com sua embaixada. Para nós é realmente uma fonte de inspiração e nos incentiva muito saber que temos parceiros em nossa missão.”

Dani Dayan foi nomeado em agosto de 2021 como o novo presidente do Yad Vashem, o Centro Mundial de Memória do Holocausto.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições