Primeiro-ministro de Israel parabeniza Bolsonaro e quer “fortalecer laços”

Jair Bolsonaro recebeu uma ligação do premiê israelense e prometeu uma visita ao país.

fonte: Guiame

Atualizado: Terça-feira, 30 Outubro de 2018 as 10:14

Primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, parabenizou o presidente eleito, Jair Bolsonaro. (Foto: Ariel Schalit/AP)
Primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, parabenizou o presidente eleito, Jair Bolsonaro. (Foto: Ariel Schalit/AP)

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, parabenizou o presidente eleito, Jair Bolsonaro, em uma conversa por telefone nesta segunda-feira (29) e reforçou a parceria entre os dois países.

“Falei esta tarde com o presidente eleito do Brasil, Jair Bolsonaro. Eu o parabenizei por sua vitória. Eu disse a ele que estou certo de que sua eleição irá trazer uma grande amizade entre nossos povos e um fortalecimento dos laços entre Brasil e Israel. Estamos aguardando sua visita!", escreveu Netanyahu em seu perfil no Twitter.

Bolsonaro também falou sobre a conversa na rede social. “Acabo de receber os cumprimentos do primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, ao lado do embaixador Yossi Shelley. Nossos laços de amizade se traduzirão em acordos onde nossos povos serão os maiores beneficiados”, disse.

Mais cedo, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), que deve assumir a Casa Civil no governo do PSL, informou que Israel deve ser um dos primeiros países a serem visitados pelo futuro presidente, junto com Chile e Estados Unidos.

A eleição de Bolsonaro também foi parabenizada por outros líderes israelenses. O primeiro deles foi Yuli Edelstein, presidente do Knesset, que é o parlamento de Israel. “Saudações calorosas ao meu amigo Jair Bolsonaro por sua eleição para a presidência do Brasil”, disse em comunicado na manhã desta segunda.

“Bolsonaro é um verdadeiro amigo do Estado de Israel e durante sua visita ao Knesset há dois anos, ele me contou muito sobre suas atividades para nós no Brasil. Aguardamos a sua visita a Israel e lhe desejamos tudo de bom”, acrescentou.

O ministro da Economia de Israel, Eli Cohen, também saudou a eleição de Bolsonaro e disse que espera uma maior cooperação econômica com Brasília sob seu governo. Em sua declaração, ele afirmou que Bolsonaro “daria início a uma nova era de laços políticos e econômicos com o maior país da América do Sul”.

veja também