Aborígenes na Austrália celebram a chegada de Bíblias e experimentam avivamento

O povo Gumatj esperava há anos pela reimpressão do Novo Testamento em sua língua nativa.

Fonte: Guiame, com informações de Eternity NewsAtualizado: sexta-feira, 29 de abril de 2022 20:04
O povo Gumatj esperava há anos pela reimpressão do Novo Testamento. (Foto: Eternity News).
O povo Gumatj esperava há anos pela reimpressão do Novo Testamento. (Foto: Eternity News).

Aborígenes do povo Gumatj na Austrália celebraram a chegada de novas Bíblias em sua língua no início deste mês, após uma longa espera pela Palavra de Deus.

Os cristãos se reuniram na Igreja Unida em Yirrkala, na região da Terra de Arnhem, para a cerimônia de Dedicação do Novo Testamento Reimpresso na língua Gumatj. O templo foi enfeitado pelas irmãs da congregação com vasos de flores nativas.

“A igreja se encheu e havia mais sentados do lado de fora sob a sombra das árvores em cobertores, enquanto as crianças corriam”, contou Louise Sherman, Coordenadora de Produção da Sociedade Bíblica da Austrália, que trouxe as Bíblias para o povo Gumatj.

A celebração começou com a entrada dos anciões da igreja, carregando as caixas com os novos exemplares das Escrituras. Logo depois, a congregação fez uma homenagem aos tradutores que dedicaram suas vidas na tradução da Bíblia Gumatj, mas faleceram antes de ver o trabalho completo.

“Quando chegou a hora de eu abrir a caixa e entregar as Bíblias, todos os tradutores e suas famílias vieram para a frente”, disse Louise à Eternit News.

“Enquanto eu dava a cada pessoa a Bíblia, seus rostos se iluminavam e lágrimas de alegria podiam ser vistas em muitos, e havia um maravilhoso senso de unidade”, testemunhou ela.


O povo Gumatj esperava há anos pela reimpressão do Novo Testamento. (Foto: Eternity News).

Margaret Miller, trabalhadora da Igreja Unida que supervisionou a reimpressão do Novo Testamento, afirmou que a conclusão da Bíblia para os crentes aborígenes enfrentou diversas dificuldades e desafios.

“A Equipe de Tradução da Bíblia Gumatj (Muti, Gulumbu, Joyce e Felicity junto com muitos outros) apresentou pela primeira vez o Novo Testamento em Gumatj em 1985. Esse Novo Testamento estava disponível por muitos anos, mas as cópias acabaram e as pessoas estavam pedindo mais", disse ela à Eternity News.

O primeiro Novo Testamento Gumatj precisou ser transferido palavra por palavra para o computador, a fim de que pudesse ser reimpresso conforme o processo de impressão atual. A Sociedade Bíblica contou com a ajuda de uma oradora Gumatj para verificar o texto bíblico.

“Ela verificou fielmente versículo por versículo de todo o Novo Testamento, para ter certeza de que os computadores acertaram”, revelou Margaret. 

A cristã, que mora na região, também afirmou que, desde a chegada da nova remessa de Bíblias, um grande avivamento iniciou em Yirrkala. “Eles têm tido comunhão todas as noites desde então. Há um mover do Espírito de Deus”, testemunhou.

E acrescentou: “Há muita conversa sobre o Espírito Santo e reavivamento novamente. Foi de Milingimbi para Yirrkala, então há esse movimento indo de oeste para leste que vem se desenvolvendo nos últimos meses com os jovens, particularmente a nova geração”.




Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições