Uma luz aparece para menino muçulmano que ouve: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida"

Yassine procurou uma igreja cristã e, lendo a Bíblia, descobriu que Jesus era a pessoa que apareceu em suas visões.

fonte: Guiame, com informações do God Reports

Atualizado: Segunda-feira, 16 Setembro de 2019 as 4:26

Yassine passou a se dedicar ao ensino cristão para crianças em seu país. (Foto: Reprodução/God Reports)
Yassine passou a se dedicar ao ensino cristão para crianças em seu país. (Foto: Reprodução/God Reports)

Enquanto garoto, Yassine*, que cresceu em uma família muçulmana no Marrocos, começou a ter sonhos recorrentes de uma luz brilhante e uma voz que vinha dela dizendo: "Eu sou o caminho, a verdade e a vida".

“Aquele não era um sonho normal para mim, porque eu nunca tinha ouvido aquela frase antes. Eu não fazia ideia que estava na Bíblia”, disse Yassine à Ride Nature, uma organização de missões de esportes de ação.

Vários anos depois, a tia de Yassine deu a ele uma Bíblia e disse que ele a precisava ler.

O tempo passou e quando Yassine, já rapaz, começou a ler o Livro de João, ficou surpreso ao encontrar as mesmas palavras que ouviu em seus sonhos de garoto.

Em João, capítulo 14, ele leu sobre Jesus confortando seus discípulos e encontrou o verso: “Jesus respondeu: ‘Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, exceto através de mim.’”

Depois de ler aquela parte da Bíblia, Yassine decidiu que ele deveria encontrar uma igreja cristã, o que representa um passo ousado em um país que é 99% muçulmano.

“Fui à igreja e aprendi mais sobre Jesus e o cristianismo. Foi logo depois que eu realmente soube que Jesus era a pessoa em meus sonhos”, conta.

Pelo poder da Palavra e do Espírito operando em seu coração, Yassine se rendeu a Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador e nasceu de novo.

Pouco a pouco, ele começou a crescer em Cristo, mas logo enfrentou oposição. “Comecei a compartilhar sobre minha nova fé em Jesus na escola. Como resultado, professores, amigos e até pessoas da rua começaram a me amaldiçoar. Depois de um tempo, o diretor da escola me mandou embora”, diz.

A decisão de Yassine em seguir Jesus provocou uma divisão em sua família. "Eu nunca tinha visto meu pai tão bravo comigo em toda a minha vida", conta. "Ele me disse que se eu escolhesse seguir Jesus, não havia lugar para mim em sua casa."

Em 2014, Yassine saiu de casa para estudar com a Young Life, um grupo de jovens cristãos, na Tanzânia. “Foi incrível aprender mais sobre minha fé e como eu poderia compartilhar com outras pessoas sobre Jesus. Aprendi a trabalhar com crianças, discipulá-las e ensiná-las sobre Cristo.”

Atualmente, ele trabalha com a Young Life no Marrocos. “É muito difícil falar aos muçulmanos sobre o cristianismo legalmente. Temos que ser criativos para construir relacionamentos e compartilhar com eles”, diz Yassine.

*Nome fictício por medida de segurança.

veja também