Marido que torturava esposa por frequentar a igreja entrega-se a Jesus

O homem não aceitava que sua esposa fosse da igreja e que estivesse envolvida ministerialmente, por isso a torturava.

Fonte: Guiame, com informações de Uganda Christian NewsAtualizado: segunda-feira, 2 de maio de 2022 18:32
Homem conta seu testemunho após receber oração do Pr. Gerald Mwebe, no culto de Páscoa. (Reprodução / UGCN)
Homem conta seu testemunho após receber oração do Pr. Gerald Mwebe, no culto de Páscoa. (Reprodução / UGCN)

Centenas de cristãos que participavam da “Convenção de Páscoa”, organizada na Igreja Pearl Haven Christian Center, em Mbale, Uganda, viram um homem violento entregar-se a Jesus.

Após ouvir a mensagem do pregador convidado Gerald Mwebe, pastor da Igreja Streams of Life – Kampala, o idoso que não teve seu nome revelado, não resistiu ao apelo para a salvação.

O pastor Mwebe explicava à plateia que “o maior chamado que qualquer um de nós ouvirá é um chamado para a salvação”.

Ele dizia: “A salvação é a chave mestra que abre todas as bênçãos. Se você está aqui e nunca recebeu Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador pessoal – você sabe que não é salvo, sabe que se morrer esta noite, não tem certeza de onde passará a eternidade – quero orar com você”.

Naquele momento, o homem decidiu ir até a frente do púlpito para se entregar a Cristo. Após ouvir a mensagem finalizada pelo pastor com a passagem de Romanos 10:10, ele disse: “Deus me chamou agora. Tenho sido como Saulo, lutando contra a Igreja”.

Ele explicou que “pelo poder de Deus” foi levado a receber a Cristo “sem que ninguém me obrigue”.

Irmãos da igreja contam que sua esposa é envolvida na Igreja, por isso o marido a torturava. Mas quando ele soube que alguns pregadores de Kaliro estavam indo para Mbale para uma conferência, decidiu ir junto “apenas para tirar uma folga”.

Depois de receber a oração do pastor, o homem testemunhou à congregação dizendo como tem perseguido a Igreja de Deus em Kaliro, mas que “agora estou feliz por ter sido salvo”.

 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições