Pastor ouviu a voz do Espírito Santo e salvou centenas de vidas na explosão de Beirute

O pastor Said Deeb testemunhou como Deus o usou para salvar pessoas na explosão no Líbano no ano passado.

fonte: Guiame, com informações da CBN News

Atualizado: Quinta-feira, 8 Abril de 2021 as 4:24

A explosão no porto de Beirute, no Líbano, em 2020, deixou grande parte do centro da cidade em escombros e mais de 200 mortos. (Foto: Reprodução/Reuters).
A explosão no porto de Beirute, no Líbano, em 2020, deixou grande parte do centro da cidade em escombros e mais de 200 mortos. (Foto: Reprodução/Reuters).

A explosão no porto de Beirute, no Líbano, no ano passado, foi uma das piores tragédias na história do país. O acidente deixou grande parte do centro da cidade em escombros e mais de 200 mortos e centenas feridos.

O pastor libanês, Said Deeb, da Igreja do Centro de Vida de Beirute, relatou em entrevista ao canal CBN News, seu testemunho no dia da explosão. O pastor ouviu um aviso do Espírito Santo e acabou salvando muitas vidas.

Said contou que teve uma sensação estranha naquele dia. “Eu estava ansioso, não sei o que aconteceu com o meu coração, não estava me sentindo à vontade, não sei como explicar, senti que algo estava para acontecer, algo ruim estava para acontecer”, explicou o pastor.

A inquietação do líder o fez mandar seus 34 funcionários da igreja para casa naquele dia e cancelar a escola bíblica para mais de 200 crianças, que estava programada.

“(Era) como se o Espírito Santo dissesse: Vai! Vai! Vai! Vai! Então eu falei para todos irem pra casa, desligarem os computadores, forçando eles a sair, eu estava forçando eles. E falaram que estavam cozinhando a comida para os refugiados e para os pobres. E eu disse: hoje cancele tudo, coloque na geladeira. Eles estavam pensando que eu tinha perdido a minha cabeça, mas eles não sabiam e eu não sabia que era a inspiração do Espírito Santo ", relatou Said.

Naquele dia de 4 de agosto de 2020, às 18h, uma grande quantidade de nitrato de amônio armazenado no porto de Beirute explodiu. As ondas de choque da explosão atingiram prédios e estradas, estilhaçando vibro por quilômetros na cidade. Mais de 200 pessoas morreram, 7 mil ficaram feridos e 300 mil dos habitantes ficaram desabrigados.

A Igreja do Centro da Vida, localizada a uma milha do epicentro da explosão, sofreu muitos danos materiais, mas todas as pessoas da congregação foram salvas. “Tudo o que eu construí em 12 anos eu vi destruído no chão. Todos os tetos do chão, todas as lâmpadas, todas as pinturas, todas as portas, portas sem moldura, vidros por toda parte. Foi horrível, eu chorava", lembra Said.

Apesar das suas dificuldades, a Igreja do pastor Said conseguiu ajudar muitas pessoas em Beirute, que ficaram sem as provisões básicas, como água, alimento e abrigo.

"Louvado seja Deus, fomos capazes de trazer o Centro da Vida de volta ao seu estado normal e ainda melhor! [E estamos] livres de dívidas e com os recursos extras que conseguimos, pudemos ajudar 800 famílias a comer. Essas famílias afetadas, todos os meses contam com cestas básicas. Desde o primeiro dia, estivemos distribuindo comida com o pouco dinheiro que tínhamos e o Senhor continuou enviando, enviando, enviando", testemunhou Said. 


A Igreja Centro da Vida, localizada a uma milha do epicentro da explosão, sofreu muitos danos. (Foto: Saltandlight).

veja também