'As redes sociais estão intoxicando a mente e a alma', diz Douglas Gonçalves

O líder do JesusCopy acredita que as pessoas estão vivendo um tempo de excesso de conhecimento e pouca sabedoria.

Fonte: Guiame, Cris BeloniAtualizado: segunda-feira, 27 de junho de 2022 17:43
Douglas Gonçalves, líder do movimento JesusCopy. (Foto: Reprodução/YouTube JesusCopy)
Douglas Gonçalves, líder do movimento JesusCopy. (Foto: Reprodução/YouTube JesusCopy)

Esse é o tempo de maior acesso a conhecimento e informação da história da humanidade, porém com escassez de sabedoria. Com essa reflexão, o líder do JesusCopy, Douglas Gonçalves, faz um alerta a esta geração. 

“Ter informação não é ter sabedoria”, disse em seu podcast na última quinta-feira (22). Talvez o excesso de informação seja o motivo de tanta insensatez, conforme ele apontou.

Ao resumir um livro que ele comprou recentemente nos Estados Unidos — A Pirâmide da Sabedoria, de Brett McCracken — ele compara as informações a alimentos que podem fortalecer ou enfraquecer a alma.

Como você tem alimentado a sua alma?

A “pirâmide da sabedoria” que o autor do livro apresenta é semelhante à pirâmide alimentar. Enquanto a boca é usada para alimentar o corpo, os olhos e os ouvidos são usados para alimentar a alma. A questão é o que estamos inserindo no nosso cardápio espiritual. 

O autor fala de alguns sintomas que apontam para uma alimentação inadequada da alma. “Aumento de ansiedade e estresse é um deles. Isso acontece quando estamos buscando as informações erradas”, Douglas explica.

“Outros sintomas são a desorientação e o sentimento de impotência. As informações vindas das redes sociais estão muito misturadas — boas e ruins, alegres e tristes”, disse Douglas ao alertar também que “nos preocupamos com a Ucrânia , por exemplo, e muitas vezes, não sabemos nem como estão nossos vizinhos”. 

“A pirâmide alimentar da alma está invertida”

O outro sintoma causado pelo excesso de informações é a paralisia. Douglas cita até mesmo o excesso de filmes e séries. “São tantas as opções que, muitas vezes, perdemos o nosso tempo livre escolhendo, e acabamos não assistimos nada”, disse.

Com tudo isso, muitas pessoas estão “sem fazer nada de efetivo”, e muito menos pregando o Evangelho. “A pirâmide alimentar da sua alma está sendo investida”, associou. 

Assim como acontece com o corpo, que é prejudicado quando comemos muito, acontece também com a alma. “O seu corpo aguenta uma certa quantidade de comida e isso acontece também na alma”, disse ao apontar para a falta de limites.

“Estamos comendo muito, comendo rápido e comendo somente o que gostamos”, disse ao referir às informações que consumimos. “Por isso não estamos tendo tempo para refletir e estamos ficando doentes na alma”, reforçou. 

“Quem come só o que gosta destrói o seu corpo, e é exatamente assim no mundo espiritual”, fez o alerta.

‘Precisamos meditar no que já sabemos’

Douglas lembra que a Bíblia nos inspira a meditar, ou seja, receber a informação, pensar sobre o assunto, até que ele nos transforme por dentro. 

“Lemos muitas frases impactantes no feed no Instagram, por exemplo, mas não paramos para refletir sobre elas. São profundas e bíblicas, mas não têm efeito algum, pois não ‘mastigamos’ e nem ‘engolimos’”, disse ainda.

“A transformação que você tanto busca está mais em ‘meditar no que você já sabe’ do que na busca por algo novo”, continuou.

Almas “obesas”

“Estamos ficando doentes pelo excesso de informações — é a ‘infoxicação’. Estamos ficando obesos e intoxicados na mente e na alma de tantas informações que estamos ‘ingerindo’ ao longo do dia”, disse. 

“E estamos sendo bombardeados de informações ruins, ao ponto de olharmos para o mundo e ficar sem esperança nenhuma, mesmo conhecendo a Cristo”, continuou.

“O nosso cérebro não foi feito para essa quantidade de informações que temos acessado hoje”, disse Douglas ao mencionar que sabedoria não é excesso de informações e conhecimento. “Sabedoria é viver de forma correta. Tem muita gente com muita informação e nada de sabedoria; e tem gente sábia com pouco conhecimento”, relacionou.

“Sabedoria é uma pessoa e ela se chama Jesus Cristo. Então, a base da pirâmide da sabedoria é a palavra de Deus”, concluiu. 

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições