Furacão Dorian destrói minúscula ilha das Bahamas com 3 igrejas cristãs e 300 habitantes

Ajudantes humanitários cristãos esperam que as inundações diminuam para chegarem aos lugares mais atingidos e prestar socorro.

fonte: Guiame, com informações do Christianity Today

Atualizado: Quinta-feira, 5 Setembro de 2019 as 4:34

Imagens de satélite do furacão Dorian sobre as Bahamas e igreja New Life, antes de ser destruída. (Fotos: Reprodução/KRDO/Randy Crowe)
Imagens de satélite do furacão Dorian sobre as Bahamas e igreja New Life, antes de ser destruída. (Fotos: Reprodução/KRDO/Randy Crowe)

Desde 1º de setembro, o pastor Randy Crowe mantém contato limitado com sua antiga congregação em Man-O-War Cay, Bahamas. Sem eletricidade, telefone ou serviço de celular na ilha, Crowe não pode chegar a ninguém.

Durante sua chamada via satélite com um ex-congregante da Igreja Bíblica New Life, Crowe soube que a igreja que ele pastoreava há 12 anos se foi, destruída pelos ventos de 320 quilômetros por hora ao redor do olho da tempestade da Categoria 5.

A ilha, que tem menos de 300 habitantes, também sofreu tornados embutidos na parede dos olhos do furacão Dorian, enquanto a tempestade atravessava as 700 ilhas que compõem as Bahamas.

"Cay Man-O-War está dizimada, foi destruída", disse Crowe.

A CNN informou que o Man-O-War Cay, parte da área mais atingida das Ilhas Abaco, sofreu danos generalizados em 90% a 100% de seus edifícios.

Havia três igrejas na pequena ilha: Igreja Bíblica New Life, Igreja de Deus e a Capela do Evangelho.

A New Life tinha sido coberta com compensado em cada janela ao longo do prédio, em preparação para a tempestade, mas não foi suficiente para conter a força de Dorian.

"New Life e o chalé estão trancados", dizia um post final na página da igreja no Facebook antes da tempestade. "O resto está nas mãos de Deus."

Tendo ajudado no alívio de furacões a todos os furacões que atingiram as Bahamas desde 1992, Crowe chamou Dorian de "o pior de todos os tempos".

Destruição e reconstrução

Com danos severos à infraestrutura, os líderes das igrejas das Bahamas não conseguiram entrar em contato com outros pastores nos EUA. A Cooperative Baptist Fellowship relata que não teve notícias dos pastores de suas nove igrejas nas Bahamas.

Foram necessários três dias para que alguém de fora chegasse ao Man-O-War. Como o aeroporto mais próximo em Marsh Harbour está a menos de um metro de água, Crowe deve esperar até o fim de semana para trazer suprimentos em seu avião Piper Cherokee 6.

Mas assim que o aeroporto reabrir na ilha de Abaco, nas proximidades, Crowe planeja trazer suprimentos de emergência, como lonas, motosserras, produtos de higiene, geradores, bebidas em pó e refeições prontas.

Em breve, ele organizará equipes para sobrevoar e ajudar a limpar e reconstruir o Island Outreach, o ministério que ele e sua esposa Paula fundaram há quatro décadas.

"Nossos esforços se concentrarão em Marsh Harbour e Man-O-War Cay", disse Crowe. “Haverá muitas viagens. A primeira prioridade é proteger as casas e os telhados e limpar as estradas, garantindo que todos tenham comida e água.”

Herança cristã

Man-O-War Cay é tem singular e remota herança cristã. Por causa da presença de longa data de igrejas e de pentecostais na ilha, nunca houve a legalização do consumo de bebidas e, sem bares ou hotéis, nunca se transformou o lugar em ponto turístico. (Muitos dos residentes da ilha são descendentes diretos dos primeiros colonos, legalistas britânicos que se mudaram para as Bahamas após a Guerra Revolucionária.)

Na ilha maior de Grand Bahama, os relatórios já indicam que as igrejas abriram como abrigo, com a Catedral do Jubileu abrigando 150 pessoas.

A Samaritan's Purse desembarcou em Nassau com suprimentos de socorro na quinta-feira, trazendo materiais de abrigo, filtros de água e unidades de filtragem. Sua equipe de resposta a desastres possui um avião e helicóptero menores que eles esperam usar para acessar ilhas de difícil acesso para continuar a avaliar as necessidades e distribuir materiais de socorro.

Crowe disse que a Missionary Flights International também planeja transportar suprimentos para Marsh Harbour quando o aeroporto reabrir.

"Todos nós trabalhamos juntos porque é isso que torna o corpo de Cristo tão bom", disse Crowe. "Nós somos melhores juntos."

veja também