Sete pessoas são baleadas durante culto de igreja evangélica, em MT

Testemunhas relataram à Polícia Militar que, durante o culto, dois homens chegaram em uma moto, efetuaram os disparos e fugiram em seguida.

Fonte: Guiame, com informações do G1Atualizado: terça-feira, 18 de janeiro de 2022 12:30
As Polícias Civil e Técnica estiveram no local. (Foto: Reprodução / Imagem por WhatsApp)
As Polícias Civil e Técnica estiveram no local. (Foto: Reprodução / Imagem por WhatsApp)

Pelo menos sete pessoas foram baleadas em um culto evangélico no domingo (16) no bairro Cohab Velha, em Cáceres, há 250 quilômetros de Cuibá, capital dee Mato Grosso.

Genilza Peixoto Barbosa, de 36 anos, Rosiane Batista da Silva Gonsalves, de 27 anos, Gilmar Bezerra da Silva, de 41anos, e Jorge Eduardo Araújo, de 45 anos, foram atingidos. Dentre as vítimas também estão um bebê recém-nascido e duas adolescentes de 16 anos.

O crime aconteceu enquanto dois homens prosseguiam uma mulher que para escapar deles entrou na igreja.

Segundo o boletim de ocorrência, o fato aconteceu na Rua dos Opalas, no bairro Cohab Velha. As testemunhas relataram à Polícia Militar que, durante o culto, dois homens chegaram em uma moto, efetuaram os disparos e fugiram em seguida.

Segundo testemunhas, um policial civil que estava no local levou algumas das vítimas até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em seu carro particular.

As outras pessoas baleadas foram encaminhadas até o Hospital Regional de Cáceres pela equipe do Corpo de Bombeiros.

Cinco das sete vítimas já receberam alta do hospital. Duas seguem internadas, uma em estado regular e a outra em estado grave.

Uma precisou passar por uma laparotomia, que consiste na abertura do abdômen. A outra está em estado regular e precisou inserir um dreno no tórax, devido as lesões toráxicas.

A Polícia Civil e a Polícia Técnica (Politec) foram acionadas e estiveram no local, mas nenhum suspeito foi identificado até o momento.

Siga-nos

Mais do Guiame

O Guiame utiliza cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência acordo com a nossa Politica de privacidade e, ao continuar navegando você concorda com essas condições